Notícias

O segundo cérebro
Notícias

O segundo cérebro

Pesquisadores da USP comprovam comunicação entre macrófago e neurônio na proteção do intestino. Dois dos autores do estudo contam como neurônios que ficam mais perto do interior do tubo digestivo “alertam” os macrófagos (que estão mais longe) quando percebem a presença de um micro-organismo causador de doença.

Como se espalha o vírus da febre amarela?
Ciência USP Responde Notícias

Como se espalha o vírus da febre amarela?

O vírus da febre amarela é transmitido aos humanos e aos macacos pelos mosquitos Haemagogus e Sabethes, quando circula pela mata, e pelo Aedes aegypti, quando se espalha pelo meio urbano. Esse ciclo de transmissão é resultado de milhares de anos de evolução. Neste Ciência USP Responde, o médico epidemiologista Expedito Luna, do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo, fala um pouco sobre o que a ciência já sabe sobre a transmissão do vírus e o que falta descobrir.

Proteína de hemácia jovem permite entrada de parasita da malária
Notícias

Proteína de hemácia jovem permite entrada de parasita da malária

O Plasmodium vivax é um dos parasitas que causam malária. Diferente de outras espécies, ele só consegue entrar nas células vermelhas mais jovens, recém-formadas pela medula. Um trabalho publicado na revista Science mostrou que uma proteína que existe na membrana das hemácias jovens, mas não na das maduras, é a porta de entrada usada pelo Plasmodium vivax no processo de invasão.

Pesquisadores identificam localização da peroxirredoxina
Notícias Redoxoma

Pesquisadores identificam localização da peroxirredoxina

A mitocôndria é o lugar onde a célula produz a energia de que precisa, por meio da respiração celular. Mas acontece que o processo cria certas moléculas oxidantes capazes de danificar proteínas, lipídios e DNA. Para se defender desses efeitos, a própria mitocôndria fabrica enzimas que eliminam esses oxidantes. Uma delas é a peroxirredoxina. Fernando Gomes, do Instituto de Biociências da USP e pesquisador do CEPID Redoxoma, em seu doutorado, descobriu a localização exata das peroxirredoxinas na mitocôndria.