Desmatamento na Amazônia afeta clima do continente sul-americano

A forma pela qual a floresta amazônica afeta o clima do planeta é a razão de muitos estudos de cientistas. Já se sabe que essa influência se dá pela emissão ou retenção de gases para a atmosfera e da evapotranspiração – que é a transpiração de plantas -, e evaporação da água que vem das folhas e dos caules. Estima-se que a evapotranspiração da floresta seja responsável por cerca de 50% das chuvas que a amazônia recebe. Recentemente, em um artigo publicado na revista Scientific Reports, físicos da USP, da Escola Normal Superior, em Paris, e do Instituto Postdam para Investigação do Impacto Climático, na Alemanha, apresentaram resultados de um modelo matemático simples, que mostra como o desmatamento da floresta pode afetar o clima do continente sul-americano

O resultado mostrou que, quando o desmatamento aumenta, a emissão de vapor de água para a atmosfera diminui. Como consequência, há redução de chuvas locais e em regiões mais distantes.

Nessa entrevista, Henrique Barbosa, do Instituto de Física da USP, dá mais detalhes sobre a pesquisa:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*