Zika parece mais chikungunya que dengue

Um dia de debates e informação sobre a epidemia da Zika atraiu cerca de 700 profissionais de saúde ao Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo. Um dos palestrantes do simpósio “Zika: O Novo Desafio da Vigilância em Saúde” foi Benedito Antônio Lopes da Fonseca, virologista e professor na Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto. Ouça a apresentação na íntegra.

Descoberta do Vírus

O professor contou que o vírus foi descoberto na África em 1947 e só agora se espalhou pelo mundo. Para ele, um desafio importante é ter métodos de diagnóstico da doença – que se assemelha em muitos aspectos à Dengue e à Chikungunya, outro vírus do mesmo grupo que está se espalhando no Brasil.

Em Ribeirão Preto, Benedito investiga pacientes com suspeita de Zika através de diferentes métodos de diagnóstico. Segundo ele, os próprios sintomas podem dar pistas da doença, como a conjuntivite e os exantemas – que não se apresentam da mesma forma nos casos de Zika e de Dengue.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*